Portugal (PT)
  • Destaques

    COVID SAFE para restabelecer a confiança

    Obtenha a sua marca COVID SAFE e restabeleça a confiança dos seus clientes, colaboradores e parceiros empresariais!

    A marca COVID SAFE garante o cumprimento, pelas organizações, das orientações das autoridades sanitárias e de trabalho relativamente à saúde e segurança no contexto da pandemia COVID-19.

    Ler mais.

Tagged em
13 Jan. 2021

Código GLN: Novo requisito obrigatório para certificação IFS Food v7

Com a introdução da versão 7 do IFS Food, as empresas que se encontram no Espaço Económico Europeu e no Reino Unido passam a necessitar de um GLN (Global Location Number).

As primeiras auditorias IFS segundo esta nova versão (V7) poderão ser realizadas já a partir do dia 1 de março de 2021. A partir do dia 1 de julho de 2021, a nova versão será obrigatória.

O IFS introduziu o GLN por forma a simplificar a comunicação entre os parceiros comerciais e otimizar a segurança e a verificação da autenticidade dos seus Certificados. O GLN é um recurso adicional que permite às Organizações demonstrarem aos parceiros de negócio a autenticidade da certificação e o cumprimento dos requisitos normativos.

Com esse objetivo, o IFS e GS1 trabalharam juntos numa estreita colaboração, para a definição de novos requisitos para certificados ainda mais seguros. A organização global GS1 é o único fornecedor GLN reconhecido em todo o mundo.

Com a parceria estabelecida entre a GS1 Alemã e o IFS Management GmbH, as organizações podem criar um GLN e efetuar o seu registo automaticamente na base de dados GS1 global GEPIR. Estas duas condições são necessárias para a Certificação.

Se as Organizações já possuírem um número GLN, podem usá-lo na certificação IFS, não necessitando da criação de um novo. Apenas devem registá-lo na base de dados GEPIR. Deve ser garantido que o nome e o endereço da Organização correspondem exatamente às informações constantes no Certificado Válido.

noticia certif IFS

 

O que é um GLN?

O GLN-Global Location number é o standard GS1 que permite identificar a localização física das Organizações.

Consiste num código numérico de 13 dígitos que foi criado para melhorar a eficiência da comunicação entre os parceiros comerciais, uma vez que é esta identificação – única e inequívoca – que torna possível a troca eletrónica de documentos de negócio assim como a sincronização dos dados de cada produto.

No âmbito da Certificação IFS, o GLN identifica o local para o qual um certificado é atribuído. Como um GLN só pode ser atribuído a um local, é necessária a criação de um GLN por cada local certificado.

O GLN aparecerá na primeira página do relatório de auditoria, bem como no Certificado IFS. A validação é realizada através da base de dados GEPIR.

 

Base de Dados GEPIR

O registo do GLN na base de dados GEPIR permite demostrar a autenticidade das Organizações.

GEPIR é uma base de dados global GS1 onde se podem encontrar as Organizações e seus endereços através do número GLN. É uma forma de permitir determinar quem é o proprietário real do GLN que consta em cada certificado. O GLN estará ativo na base de dados enquanto a Organização for Cliente GS1.

Para usar um GLN para a Certificação IFS a Organização deve estar registada e ativa na base de dados GEPIR. O nome da Organização e o endereço devem corresponder exatamente à informação constante no certificado. Apenas dessa forma o IFS e os parceiros comerciais podem verificar a autenticidade do GLN e do certificado.

 

Para mais informações consultar aqui.

Conheça as mais recentes certificações APCER

Download PDF

Conheça as mais recentes certificações APCER

Download PDF

Newsletter APCER

Receba todas as novidades por email

Fale connosco

Entre em contacto para pedido de informação ou proposta comercial

Este website utiliza cookies para melhorar a sua performance, análise de tráfego e otimizar a experiencia do utilizador. Ao usar este website, concorda com a sua utilização
Mais informação Concordo